- Ação Social, Notícias, Saúde

Atenção à saúde bucal de jovens é pauta no Legislativo

Os vereadores Hernani Leonhardt, Adriano La Torre e Maria do Carmo Guilherme em reunião com o coordenador do projeto "Dentistas do Bem", André Sousa

Preocupado com a saúde bucal de jovens que estão em idade de inclusão no mercado de trabalho, o dentista André Sousa, coordenador do projeto “Dentistas do Bem”, apresentou algumas propostas aos vereadores Hernani Leonhardt, Maria do Carmo Guilherme (PMDB) e Adriano La Torre (PP).

Na primeira proposta, o dentista pede a inserção de um “Kit de Higiene Bucal” nas escolas municipais e Farmácia Popular, o kit deverá conter uma escova de dentes, um fio dental e um creme dental com flúor, para que famílias com menor poder aquisitivo tenham acesso aos itens primordiais de higiene.

A justificativa é o comportamento de algumas famílias, que muitas vezes fazem o uso da mesma escova de dentes no momento da higienização bucal, ocasionando diversos problemas de saúde e contribuindo para que mais jovens necessitem de atendimento profissional, como acontece no projeto que coordena.

 

“Dentistas do Bem”

Em parceria com o diretor de saúde bucal Paulo Freitas, o dentista André Sousa coordena o projeto e auxilia na inserção de novos dentistas.

O projeto oferece atendimento aos jovens que estão em busca de seu primeiro emprego, cuidando de sua saúde bucal e transformando sua confiança.

Os dentistas inscritos no projeto recebem os pacientes em dias previamente estipulados, conforme a disponibilidade de tempo e triagem.

Atualmente 30 dentistas fazem parte do projeto, uma fatia pequena, visto que existem pelo menos 700 profissionais da área no município.

A proposta de André Sousa é levar ao Poder Executivo um projeto que viabilize a isenção de pelo menos uma das taxas municipais que os dentistas pagam atualmente, fazendo com que mais profissionais tenham interesse em colaborar com o seu projeto.

Para os vereadores, as propostas são viáveis e podem trazer melhoras no convívio social e confiança aos jovens rio-clarenses, aprimorando a sua trajetória profissional e devolvendo qualidade de vida.

Maria do Carmo, Hernani Leonhardt e Adriano La Torre se comprometeram em analisar e adequar as reivindicações para que se tornem Projetos de Lei e entrem em vigor o quanto antes no município.