- Emprego, Notícias

Projeto aprovado pela Câmara incentiva empresas a apoiarem o primeiro emprego

Hernani Leonhardt é o autor do projeto que abre a possibilidade de abertura de vagas para jovens no mercado profissional

No atual cenário nacional, onde o número de desempregados já ultrapassa a marca de 14 milhões de pessoas e a economia ainda patina diante de uma de suas piores recessões, cabe aos legisladores municipais criarem mecanismos locais para minimizar o impacto dessa crise.

Nesta rota, a Câmara Municipal aprovou em segunda discussão na sessão da última segunda-feira, 5, o Projeto de Lei 071/2017 de autoria do vereador Hernani Leonhardt (PMDB). A partir de sua promulgação, o Poder Executivo fica autorizado a conceder incentivos fiscais às empresas terceirizadas que prestem serviços à Prefeitura Municipal, para que mantenham em seus quadros de funcionários jovens sem experiência no mercado de trabalho.

Para ocupação dessas vagas, o empregado deverá possuir idade igual ou superior a 18 anos e menor ou igual a 24 anos, comprovar, por meio de carteira de trabalho, que nunca exerceu função remunerada e estar cursando ou ter concluído o ensino médio.

Leonhardt explica que, na prática, o projeto busca solucionar um dos maiores dilemas dos jovens que estão buscando emprego atualmente, que é a falta de oportunidade para aqueles que ainda não possuem experiências profissionais. “Todos nós um dia tivemos que aprender com alguém nos ensinando. Se ninguém der oportunidade a esses jovens, como terão experiência?”, questionou o parlamentar. “O problema do desemprego, sobretudo para os mais novos, vai muito além do superficial. Quantos jovens se frustram e acabam indo para o mundo das drogas ou são acometidos por problemas psicológicos? Eles precisam de ocupação e sentirem-se inseridos socialmente, gerando suas próprias rendas. Essa questão precisa ser tratada na raiz, para que não se torne problema de saúde ou segurança pública”, finaliza Hernani.