- Notícias

Câmara devolve mais R$ 1 milhão e encerra ano com nova postura

No encerramento do exercício de 2017, a Mesa Diretora da Câmara Municipal confirma a devolução de mais R$ 1.125.757,14 a Prefeitura de Rio Claro. Ao final de junho, o Legislativo já havia antecipado o repasse de R$ 1.000.000,00 para viabilizar a criação do complexo médico-hospitalar na Avenida Visconde do Rio Claro a partir da chegada das “Carretas da Saúde” ao município.

A devolução da nova quantia de mais de R$ 1 milhão foi oficializada na manhã desta quinta-feira (28) ao prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, pelo presidente da Câmara André Godoy (DEM), que credita o repasse desses montantes ao novo modelo de gestão baseado na economia e eficiência, endossado por todos os vereadores da Casa.

“A exemplo dos demais vereadores espero que o prefeito faça bom uso desses recursos, priorizando os serviços essenciais à comunidade. Afinal, é o dinheiro dos impostos pagos pelos contribuintes que deve voltar em benefício dos que mais precisam, como no caso do ‘Espaço Mais Saúde’, que em fevereiro inicia as cirurgias de catarata e já tem mais de 400 cirurgias vasculares programadas para 2018” – observa André.

Para o presidente, o primeiro ano da atual legislatura foi marcado pelo esforço feito pela Câmara para estar em sintonia com as exigências da sociedade. “As novas regras que restringem o uso de veículos oficiais e regulamentam o pagamento de diárias, bem como a implementação da reforma administrativa que atendeu os apontamentos do Ministério Público e as decisões da Justiça, são exemplos dessa nova postura” – diz.

Ele lembra que a racionalização de gastos e a busca de soluções criativas para barateamento do custo final, também marcaram a realização das obras de adequação dos espaços físicos para atender de forma igual os 19 vereadores, já que a estrutura herdada mal supria as necessidades dos 12 parlamentares da legislatura passada, apesar da reforma realizada à época.

A Câmara – prossegue André – ainda investiu na inovação e modernização operacional do processo legislativo, com a implantação de um novo sistema eletrônico de votação e a reformulação do site, que agora é responsivo. “Quando há vontade para fazer o que é certo, é possível encontrar um caminho que atenda as expectativas da população e contar com o apoio de todos os vereadores” – conclui.