- Notícias, Saúde

Campanha Coração Sadio alerta para riscos de doenças cardiovasculares

De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), as Doenças Cardiovasculares (DCV) são a principal causa de morte no mundo. No ano passado, 17 milhões de pessoas foram vítimas de problemas coronarianos, como ataques cardíacos e derrames.

André Godoy, presidente da Câmara Municipal de Rio Claro.

No Brasil, 300 mil pessoas sofrem infartos todos os anos. A cada 40 segundos, uma pessoa morre vítima de doença cardiovascular no Brasil. Em 30% dos casos o ataque cardíaco é fatal.

Os dados são alarmantes, mas de acordo com especialistas, 80% das ocorrências poderiam ser evitadas com medidas simples de hábitos saudáveis, como prática de atividades físicas e uma dieta balanceada com baixas concentrações de sódio e açúcares. Também se deve evitar a ingestão de bebidas alcoólicas, cigarros e sedentarismo.

Por conta disso, a Câmara Municipal de Rio Claro aprovou por unanimidade o Projeto de Lei 128/2018 denominado Campanha Coração Sadio. Criada pelo presidente da Casa Legislativa, vereador André Godoy (DEM), a iniciativa quer ensinar a população a ter um coração mais saudável. Dentre as ações incluídas, destacam-se palestras, orientações nutricionais e exames preventivos.

“Detectar a doença logo no começo contribui para uma boa recuperação”, citou o autor do projeto. “Exames periódicos ajudam a indicar alterações nos níveis de colesterol, glicemia e tireoide, que estão relacionadas aos fatores de risco. Além desse suporte, o projeto prevê ações para conscientizar a população que comer bem, praticar exercícios e diminuir o estresse, entre outros hábitos simples, podem salvar o nosso coração”, concluiu André Godoy.

As atividades da campanha serão realizadas anualmente, iniciando-se na última semana de setembro.