- Notícias, Segurança

Troca de experiências entre municípios permite avanço das políticas de segurança

O fortalecimento da relação e a troca de experiências entre os municípios é essencial para o avanço das políticas de prevenção e repressão à criminalidade. Nesse sentido, os vereadores Cabo Seron (DEM) e Hernani Leonhardt (MDB) estiveram reunidos nesta quarta-feira (20) com parlamentares da vizinha Artur Nogueira e também com o titular da pasta de Segurança de Cotia, cidade localizada na região metropolitana de São Paulo.

Com 13 anos de atividade, o canil da Guarda Civil de Rio Claro é referência no estado de São Paulo. Por conta da experiência acumulada, seus integrantes ministram cursos para formação de profissionais nas guardas municipais de diversas cidades da região. E este know-how foi o motivo da visita de Almir Rodrigues, vice-prefeito e secretário de Segurança de Cotia.

A Patrulha Maria da Penha é outro trabalho de destaque realizado pela Guarda Civil de Rio Claro. Os resultados obtidos chamaram a atenção dos vereadores de Artur Nogueira, Ermes Rodrigues Dagrela (PR) e José Sebastião Barbosa (PR), interessados em implantar este serviço naquela cidade.

Autores da lei que implantou a Patrulha Maria da Penha em Rio Claro, os vereadores Cabo Seron e Hernani Leonhardt salientam a importância desses encontros. “As visitas que realizamos e as informações obtidas foram fundamental para que pudéssemos desenvolver e implantar a Patrulha Maria da Penha em nossa cidade. E esse trabalho deve ser contínuo”, comentaram os vereadores.

Mas o dia de hoje não foi apenas para transferir conhecimento. Desde 2014 a cidade de Artur Nogueira transformou a Guarda Civil Municipal em Polícia Municipal. “Esta mudança deixa mais clara e precisa sua atribuição. As guardas funcionam, de fato, como polícias e assim são consideradas pela sociedade, como também são alvos da criminalidade, merecem o mesmo tratamento que os demais órgãos policiais”, justificam os vereadores.

“Pretendemos aplicar esta mudança em nosso município, por isso Iremos levar essa discussão para comunidade e a Câmara Municipal”, explicaram Cabo Seron e Hernani Leonhardt.