- Infraestrutura, Notícias

Vereador refuta medidas paliativas e reivindica ações concretas na Avenida dos Estudantes

O fluxo de veículos que já era intenso na Avenida dos Estudantes aumentou mais ainda com a entrega do novo empreendimento imobiliário: o Condomínio dos Lírios. O avanço populacional nesta região, nos últimos anos, na região que conta também com o Condomínio Águas Claras e Residencial Florença tornou o tráfego de veículos na via única de mão dupla inseguro.

Tráfego na Avenida dos Estudantes requer de melhorias, de acordo com Ney Paiva (DEM)

Ciente do alto risco de acidentes, na avenida marcada por mortes ao longo dos anos, Ney Paiva colocou o tema em debate na sessão da Câmara Municipal, realizada no último dia 1º de julho, através de requerimento aprovado por unanimidade. No plenário, o parlamentar enfatizou: “É preciso colocar em prática ações que possam tornar o trânsito seguro”.

No relato, Ney Paiva observa que muitas famílias sofrem pela perda de entes queridos em virtude de acidentes na Avenida dos Estudantes. Ressaltou ainda que muitas pessoas ficaram gravemente feridas em outros casos e entre essas pessoas há quem carregue sequelas físicas e emocionais até hoje.

No requerimento, Ney Paiva solicita à Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Mobilidade Urbana e Defesa Civil que providencie a troca de placas de sinalização, reforço da pintura de solo das faixas de pedestres e colocação de redutores de velocidade conhecidos como olho de gato na referida avenida.

“O volume de pessoas que utilizam a Avenida dos Estudantes aumentou muito. Não cabe mais a adoção de medidas paliativas”, afirmou Ney Paiva. “É preciso implantar mecanismos que tornem este corredor seguro, com urgência”, completou Ney Paiva ao lembrar que além de veículos e motos, o tráfego de caminhões é frequente neste local.