- Notícias

Trem Intercidades tem aval técnico e RC busca apoio para garantir espaço

Os estudos técnicos e levantamentos de viabilidade para a implantação do Trem Intercidades, o TIC, estão concluídos. A afirmação foi feita pelo vice-governador Rodrigo Garcia (DEM) na última quarta-feira, 31/7, no Centro de Exposições Dom Pedro, em Campinas, na abertura do Fórum RAC 2019.

Vereador Julinho Lopes, prefeito Juninho da Padaria, vice-governador Rodrigo Garcia e o prefeito de Campinas Jonas Donizette

A retomada do transporte de passageiros, anunciada pelo governo paulista, vai viabilizar na primeira etapa a interligação entre São Paulo e Campinas e na sequência o trecho até Americana. O secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi também esteve presente.

O anúncio foi acompanhado pelo prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e o vereador Julinho Lopes (Progressistas). “A retomada do sistema ferroviário é uma grande notícia para o Estado. Resgata as tradições e sinaliza para alternativa de alternativa de transporte de passageiros com custo menor ao praticado através das rodovias”, comentou o prefeito. “Rio Claro é referência no assunto. Nossa luta é para que nossa cidade possa ser inserida neste projeto. A história da ferrovia passa por aqui”, afirmou o prefeito.

Julinho Lopes observa que Rio Claro não está de braços cruzados. Parabeniza todas as iniciativas feitas até o momento para que o município seja incluído no TIC e busca apoio em São Paulo para reforçar a ação coletiva.

O vereador busca apoio da Comissão de Assuntos Metropolitanos da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, a Alesp, presidida pelo deputado Rafa Zimbaldi, e, da Secretaria dos Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo que tem como titular Alexandre Baldy para que Rio Claro tenha o seu espaço no projeto. “Com o aval técnico hoje anunciado pelo vice-governador Rodrigo Garcia o Trem Intercidades está a um passo de se tornar realidade”, frisou o Julinho Lopes. “A nossa cidade por tudo o que representa à ferrovia paulista deve estar na pauta do governo”, pontua.

De acordo com Rodrigo Garcia, para que a licitação seja realizada está pendente, agora, a nova contratualização das ferrovias responsáveis por esses trechos. “Essa será a certidão de nascimento do TIC. A União deve estabelecer no contrato a obrigatoriedade do compartilhamento das vias para o Governo do Estado de São Paulo para efeito de transporte de passageiros”, destacou, informando que essa cláusula contratual já foi pactuada entre o governo paulista e o federal.