- Homenagem

Em homenagem, consolidação dos conciliadores de Justiça é destacada no Plenário da Câmara

“Tenho certeza de que em pouco tempo o Cejusc vai ter dotação orçamentária própria e quadro de funcionários fortalecendo ainda mais as ações do Poder Judiciário”. A frase do juiz coordenador do Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Rio Claro Wagner Carvalho Lima marcou a solenidade de homenagem na Câmara Municipal ao Dia do Conciliador de Justiça na noite da última terça-feira, 26/11.

Câmara Municipal prestou homenagem aos Conciliadores de Justiça na noite da última terça-feira, 26/11.

A homenagem segue Lei Municipal 5114/17 de autoria do presidente da Câmara, André Godoy que coordenou os trabalhos. A Mesa Principal contou com a presença do juiz Wagner Carvalho, do prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, professor Manoel Fernandes do Claretiano Centro Universitário e a gestora do Cejusc Larissa Moraes.

Neste ano, as conciliadoras de Justiça homenageadas foram: Márcia Aparecida Pimentel de Paula,Mileide  dos Santos, Patrícia Assmann Torres da Silva Mello, Patrícia Migotto Seraide e Patrícia Sousa Floriano.

André Godoy parabenizou as homenageadas e externou aos presentes que a Câmara Municipal cumpre, com esta ação, a missão de reconhecer o trabalho das pessoas que tornam a sociedade mais justa e equilibrada.

O presidente da Câmara, para exemplificar a importância do Cejusc no município, informou que somente neste ano as conciliadores foram responsáveis por 1.731 audiências e destes casos mais de 66% já tiveram positividade nos resultados. “Quero aqui registrar o agradecimento a cada uma de vocês que não medem esforços para contribuir com a comunidade nesta área onde os conflitos surgem todos os dias”, enfatizou André.

Na ocasião, o juiz Wagner Carvalho agradeceu o apoio da Prefeitura e Câmara de Rio Claro pelas parcerias diversas. Entre elas citou o trabalho preventivo que o Cejusc vai realizar através de programa de orientação que será desenvolvido no Claretiano. “O objetivo é criar medidas que tornem a sociedade mais pacífica principalmente nos momentos difíceis como o comportamento das pessoas em fim de relacionamento conjugal, dificuldades de visitas a menores, entre outros temas preventivos”, completou o juiz ao salientar que a homenagem na Câmara aos conciliadores trata-se de ação pioneira em todo o país.

Juninho da Padaria discursou na mesma direção do juiz Carvalho ao ratificar que é a comunidade quem ganha com a união dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário em Rio Claro. Para as homenageadas, o prefeito assinalou que o momento na solenidade é de agradecimento. “Esta placa que vocês estão recebendo aqui na Câmara retrata a vocação e reconhece as pessoas notáveis da nossa cidade”, finalizou o prefeito.

Galeria de Imagens